terça-feira, 21 de outubro de 2008

Rir é o melhor remédio

Quando recebi este e-mail, ele vinha entitulado de "Gafes em Tribunais". Imaginei, portanto, que leria gafes hilariantes de testemunhas e réus. Estava meio-enganada. Também as há, mas as gafes dos advogados é que são de partir o côco... e não abonam nada em virtude dos seus Q.I.'s e conhecimento geral. Evidentemente também os há cultos e inteligentes, mas esses não foram "apanhados"! A última, então... para mim, é a melhor! Se a dita testemunha respondeu mesmo assim ao advogado, está de parabéns. He had it coming!

Partilho então o dito mail convosco:


Advogado: Qual é a data do seu aniversário?
Testemunha: 15 de Julho.
Advogado: Que ano?
Testemunha: Todos os anos.


_________________


Advogado: Essa doença, a miastenia gravis, afecta a sua memória?
Testemunha: Sim.
Advogado: E de que modo ela afecta a sua memória?
Testemunha: Eu esqueço-me das coisas.
Advogado: Esquece... Pode nos dar um exemplo de algo que você tenha esquecido?


_________________


Advogado: Que idade tem o seu filho?
Testemunha: 38 ou 35, não me lembro.
Advogado: Há quanto tempo ele mora com você?
Testemunha: Há 45 anos.


_________________


Advogado: Qual foi a primeira coisa que o seu marido disse quando acordou aquela manhã?
Testemunha: Ele disse, 'Onde estou, Berta?'
Advogado: E por que é que se aborreceu?
Testemunha: O meu nome é Célia.


_________________


Advogado: Diga-me, doutor... não é verdade que, ao morrer no sono, a pessoa só saberá que morreu na manhã seguinte?


_________________


Advogado: O seu filho mais novo, o de 20 anos...
Testemunha: Sim.
Advogado: Que idade é que ele tem?


_________________


Advogado: Sobre esta foto sua...o senhor estava presente quando ela foi tirada?


_________________


Advogado: Então, a data de concepção do seu bebé foi 8 de Agosto?
Testemunha: Sim, foi.
Advogado: E o que é que estava a fazer nesse dia?


_________________


Advogado: Ela tinha 3 filhos, certo?
Testemunha: Certo.
Advogado: Quantos meninos?
Testemunha: Nenhum.
Advogado: E quantas eram meninas?


_________________


Advogado: Sr. Marcos, por que acabou o seu primeiro casamento?
Testemunha: Por morte do cônjuge.
Advogado: E por morte de que cônjuge ele acabou?


_________________


Advogado: Poderia descrever o suspeito?
Testemunha: Ele tinha estatura mediana e usava barba.
Advogado: E era um homem ou uma mulher?


_________________


Advogado: Doutor, quantas autópsias já realizou em pessoas mortas?
Testemunha: Todas as autópsias que fiz foram em pessoas mortas...


_________________


Advogado: Aqui no tribunal, para cada pergunta que eu lhe fizer, a sua resposta deve ser oral, está bem? Que escola frequenta?
Testemunha: Oral.


_________________


Advogado: Doutor, o senhor lembra-se da hora em que começou a examinar o corpo da vitima?
Testemunha: Sim, a autópsia começou às 20:30 h.
Advogado: E o sr.Santos já estava morto a essa hora?
Testemunha: Não... Ele estava sentado na maca, questionando-se por que razão eu estava a fazer-lhe aquela autópsia.


_________________


Advogado: O senhor está qualificado para nos fornecer uma amostra de urina?


_________________


Advogado: Doutor, antes de fazer a autópsia, o senhor verificou o pulso da vítima?
Testemunha: Não.
Advogado : O senhor verificou a pressão arterial?
Testemunha: Não.
Advogado: O senhor verificou a respiração?
Testemunha: Não.
Advogado: Então, é possível que a vítima estivesse viva quando a autópsia começou?
Testemunha: Não.
Advogado: Como é que o senhor pode ter a certeza?
Testemunha: Porque o cérebro do paciente estava num jarro sobre a mesa.
Advogado: Mas ele poderia estar vivo mesmo assim?
Testemunha: Sim, é possível que ele estivesse vivo e a tirar o curso de Direito em algum lugar!!!

 

_________________

JESUS!!! Qual delas a mais embaraçosa?!

Ainda gostava de saber o que é que os advogados responderam a estas pessoas...

6 comentários:

Vício disse...

também já recebi esse mail mas vaole sempre a pena recordar essas perolas! :D

gostei da musica! uma das minhas preferidas
(no player, se mudares a largura (width) para "100%" ele não fica cortado)

Cati disse...

São 23.28 e cheguei a casa há 28 minutos. Deu pra rir destas pérolas, sim, e ainda te digo que gosto muito deste clean new look.

E ainda reclamo, porque nunca mais deixaste um comentariozito lá no mundo louco, tem sarna, o bicho?!?

Pronto, agora que já soltei a rezinguice... vou continuar a blogar...

Beijão com saudades*

Mr X disse...

Lindo!
E eu que cursei o primeiro ano de direito... do que me safei.

maria qualquer coisa disse...

tu não tás a ver as vezes que tive de me controlar, de parar de ler para não me escacar a rir e as vezes que coloquei a mão na boca e virei a cara para ler este post!!

AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAH
AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAH
AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAHAH

Bjs

Marisa disse...

Que tortura de julgamentos :P

Sadeek disse...

BOOOOMM DE MAIS!!! ;)

BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO